sintonize em sua cidade:

últimas notícias

16
de Dec2016
PRF lança operação de fiscalização que vai durar até março do ano que vem

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) dá início nesta sexta-feira (16) à Operação Integrada Rodovida Cidades 2016/2017. A ação tem por objetivo prevenir acidentes e diminuir a violência no trânsito nas rodovias federais durante o período de fim de ano, férias escolares e Carnaval, quando o movimento nas estradas é intenso.

Os trabalhos de fiscalização ocorrem simultaneamente em todo o País de dezembro a março, tendo como prioridade a atuação em pontos críticos das rodovias federais. Esses pontos foram elencados através de análises de dados estatísticos que apontam trechos com maior necessidade de reforço na fiscalização.

Principal ação de enfrentamento à violência no trânsito brasileiro, a operação reúne desde 2011 as três instâncias de governo em ações simultâneas com objetivo de reduzir o número de vítimas de acidentes e faz parte do Pacto Nacional pela Redução de Acidentes, criado em 2011 em resposta à decisão da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que proclamou o período de 2011 a 2020 como a Década Mundial de Ação pela Segurança do Trânsito.

O foco da operação é o combate às infrações de trânsito relacionadas ao excesso de velocidade, embriaguez ao volante, ultrapassagens proibidas. Além dessas infrações, o uso correto de equipamentos como cinto de segurança, cadeirinhas para crianças e capacetes também é alvo da fiscalização do Órgão pois são fundamentais para reduzir os traumas causados em um acidente ou, até mesmo, evitá-los.

A PRF conta com apoio de órgãos vinculados aos Ministérios das Cidades, Saúde e Transportes. Nos estados, ações integradas com órgãos estaduais e municipais serão desencadeadas durante toda a operação.

 

Estatísticas

Apenas nos 14 dias do início do mês de dezembro já foram registrados 192 acidentes pela PRF em Goiás, com 185 pessoas feridas e 19 mortes. Número que é maior que o do ano passado, quando, no mesmo período, foram registrados 148 acidentes, com 127 pessoas feridas e 18 mortes.

Na Operação Rodovida 2015/16, aconteceram em Goiás 748 acidentes, que deixaram 609 pessoas feridas e 44 mortos. No período, foram realizados mais de 13 mil testes do etilômetro, quando 183 pessoas foram flagradas embriagadas. No mesmo período, quase 15 mil pessoas foram autuadas por excesso de velocidade e 1400 por ultrapassagem em local proibido. Também chamou a atenção da polícia a quantidade de pessoas que estavam sem o cinto de segurança, 425, e também crianças sem a cadeirinha, 38.

 

Fonte: http://www.emaisgoias.com.br